terça-feira, 1 de setembro de 2015

De volta ao início #1


«Ali, naquela sala, onde tantos sonhos se iam tornando realidade e tantos outros iam ficando (mais uma vez) adiados fui incapaz de não pensar em ti. Enquanto me ia deixando abraçar por pessoas que conhecia há dois dias – mas que prometiam ser as minhas melhores amigas em menos de nada – continuava a ver-te à minha frente, sentado naquela mesa, enquanto me contavas metade da tua vida sem eu saber sequer o teu nome. Queria partilhar aquele entusiasmo com alguém; ter alguém para abraçar, alguém que me devolvesse um sorriso e que me limpasse as lágrimas, que neste momento fingia serem (apenas) de alegria. Pensei em muitas pessoas que podiam – e deviam – estar ao meu lado, mas depois lembrei-me que nenhuma delas sabia que eu ali estava. Foi então que pensei em ti: mais uma vez. Eras perfeito para estar comigo naquele momento; tenho a certeza de que irias querer abraçar-me e então, talvez esquecesse esta loucura toda e decidisse, simplesmente, ficar aqui.
Foi quando ouvi o meu nome mais uma vez (e tive a certeza de que nada disto era um sonho) que percebi que a maior loucura de todas era querer que estivesses comigo; a maior loucura era querer partilhar com um desconhecido o dia em que a minha vida iria mudar – e eu ainda nem fazia ideia do quanto.»

(Setembro é um mês de regressos e recomeços, por isso nada melhor do que começar este mês a escrever e cheia de novas ideias. Espero que continuem a acompanhar tudo desse lado e que gostem tanto destas ideias como das descabidas que terminaram antes das férias! :) )
Dream cate

5 comentários :

  1. Um desconhecido que não era indiferente. Por vezes, a vida prega-nos estas partidas, que acabam por ser boas :)
    Adorei o texto! E tenho a certeza que vou adorar as novas ideias.

    Beijinhos*

    ResponderEliminar
  2. r: É mesmo! E parece-te muito bem :D

    Beijinhos*

    ResponderEliminar

Copyright © 2014 DreamCate

Distributed By Blogger Templates | Designed By Darmowe dodatki na blogi