terça-feira, 10 de março de 2015

Sete frases e cinco parênteses.


Pergunto-me o que seria de (todos) nós sem ti. Ou melhor, o que seria de mim se nunca estivesses aqui (tão perto e tão longe) e se tivesse que me habituar a ausências (ainda mais) prolongadas. A vida que me dás (sempre que apareces) é como uma força que me empurra na direcção certa – nada de errado pode acontecer enquanto cá estás. É difícil encontrar palavras para te descrever. É (muito) mais fácil aproveitar cada momento contigo, saborear-te como se não fosses voltar a aparecer tão cedo e guardar as palavras só para mim. Sabes que estou a falar de ti, não sabes? Pergunto-me o que seria de mim sem ti, Sol.
Dream cate

4 comentários :

Copyright © 2014 DreamCate

Distributed By Blogger Templates | Designed By Darmowe dodatki na blogi